Salamansa (São Vicente)

Salamansa é uma comunidade piscatória da ilha de S.Vicente, que se encontra situada a uma distância de cerca de 17Km da cidade do Mindelo e conta com uma população de aproximadamente 1.170 habitantes e com uma densidade populacional que gira em torno de 33 habitante por km2.

É uma zona rural que se dedica essencialmente a pesca, onde mais de metade da população vive dos rendimentos provenientes dessa actividade. A pesca é complementada com outras actividades designadamente criação de animais, agricultura (na época das chuvas) e o comércio. Segundo os dados do B.O do INDP de 2003, esta zona conta com cerca de 148 pescadores, sendo 131 em regime exclusivo e 17 em regime partime. Há cerca de 10 vendedeiras de peixe nesta comunidade.

A pesca em Salamansa é feita essencialmente por embarcações de boca aberta com comprimento variando de 4 a 8 metros e largura entre 1,5 a 2,5 metros, construídos maioritariamente de madeira. Os meios de propulsão são motores fora de borda e velas em complementaridade com motores.

De acordo com os dados oficiais do INDP do B.O do mesmo ano, esta comunidade conta com cerca de 28 botes, sendo 27 motorizados. Praticam essencialmente a pesca à linha dirigida a espécies demersais (garoupa, moreia, goraz, bentelha, bica, etc.) e grandes pelágicos (albacora gaiado, patuto, ilhéu ou serra, merma e judeu).

Também é praticada a pesca de mergulho feita em apneia por cerca de 15 mergulhadores dirigida à lagosta, polvo, búzio, lapas, percebes, etc. A prática da pesca de mergulho é limitada pela falta de recursos financeiros para aquisição de equipamentos para o mesmo.

 

(fonte: Estudo Sócio-económico das Áreas marinhas protegidas da Baía da Murdeira e da Ilha de Santa Luzia e Ilhéus Raso e Branco, Ministério de Agricultura e Ambiente)